sábado, 28 de dezembro de 2013

Brindemos todos! É o momento!

Brindemos ao Uruguay, esse pequeno grande país que mais uma vez está na vanguarda. Esteve quando era um dos únicos países do continente onde havia o divórcio e ao contrário do que diziam apocalipticamente no Brasil, quando se instituiu essa lei muito tempo depois, não houve a dissolução da família nem da sociedade. Além da legalização da maconha que vai contra os interesses do narcotráfico, foi regulamentada ontem (17) pelo Presidente Mujica a Lei “del buen morir” que permite que pacientes terminais possam expressar sua vontade de interromper tratamentos médicos para não prolongar sua vida. Brindemos ao Francisco, Papa que revigora a Igreja no caminho do humanismo.

http://www.jaguarao.rs.gov.br/?p=3350
Governador  Tarso Genro visita o Clube 24 de Agosto contemplado
com Ponto de Cultura - setembro de 2013
Brindemos ao Clube Vinte e Quatro de Agosto, centro de resistência da negritude e Ponto de Cultura do Estado do Rio Grande do Sul. Brindemos ao amigo e companheiro Lisandro Lenz que enfrentou com fortaleza o acidente que sofreu na BR 116 e já está em franca recuperação. Brindemos à duplicação dessa mesma BR , obra que já devia ter sido feita há mais de 30 anos e que vai melhorar o transito nesta estrada que está saturada pelo volume de tráfego, principalmente de caminhões cujo destino é o Super Porto de Rio Grande, considerado o segundo maior em movimentação de cargas no Brasil.

Falando na metade sul, brindemos ao Polo Naval Riograndino. “ Como se sabe, num dos últimos dias de campanha à Presidência em 2002, Lula visitou um estaleiro na costa do Rio. Estava parado. Com terra e capim no pátio. E anunciou que um de seus primeiros atos seria cancelar uma encomenda do Governo da Petrobrax ( do FHC) de uma plataforma a Cingapura. Cancelou e re-fundou a indústria naval brasileira” (PHA) . A indústria naval e a de navipeças vai empregar mais brasileiros que a indústria automobilística. Brindemos aos níveis de emprego no Brasil, de fazer inveja à Europa do Primeiro mundo. Brindemos à Rua XV de Novembro, finalmente calçada! Brindemos aos engenheiros, calceteiros, aos trabalhadores, aos Barqueiros areeiros do Jaguarão que trazem areia para todas essas obras de pavimentação.

Brindemos à Unipampa, centro de difusão do saber, aos seus estudantes e professores, ao La Mancha, que nos oferece tantos espetáculos musicais de qualidade. Aos poetas e escritores, Martim César e Aldyr Schlee que levam o nome de Jaguarão pelo mundo. Enfim, brindemos aos nossos colaboradores da Coluna Gente Fronteiriça, ao Fronteira Meridional que faz jornalismo de qualidade e a você , caro leitor, primeira e última razão de estarmos escrevendo estas linhas. Feliz 2014 pleno de sucesso e realizações!


Jorge Passos

Publicado na coluna Gente Fronteiriça do jornal Fronteira Meridional em 23/12/2013
Postar um comentário