domingo, 12 de setembro de 2010

O SONHO DE CERVANTES





Existe, sim! Existirá depois! E já existia antes!

Esse estranho sonho que sonhou Cervantes

E que sempre é o dilema de cada ser humano...


Existe, sim! Já existia antes! E existirá depois!

Porque como Cervantes também somos dois

Por vezes Quixote...por vezes Quijano...


Quijano entre seus livros, sonhando a aventura

Quixote em seu cavalo, com lança e armadura

(Que adormeça a realidade, o sonho é mais real)


Quijano envelhecendo em seu comum destino

Quixote – o corpo ereto, a alma de menino

O heróico cavaleiro sempre em luta contra o mal.



Martim César Gonçalves




Do CD "Caminhos de si", o poema de Martim César musicado por Paulo Timm.
A música foi tema da peça teatral "Don Quijote de La Mancha" adaptada da obra de Cervantes por Jorge Passos e Martim César.

A montagem foi realizada pelo Grupo " Alas de Cervantes" formada pelos alunos do Curso de Letras UCPel , Extensão Jaguarão, Sociedade Cultural Joaquim Caetano da Silva, em 2002, com várias apresentações no Teatro Esperança, Universidade Católica de Pelotas e no Teatro Sete de Abril.
Postar um comentário