terça-feira, 22 de maio de 2012

Anúncios da Confraria: Para os desesperados, Unguento Holloway

Se você caro leitor, vivesse no Rio de Janeiro, capital do Império do Brasil na segunda metade do século XIX, ao ler este anuncio publicado no Diário do Rio de Janeiro, sem dúvida correria imediatamente para a Rua do Hospicio nº 40 e adquiriria alguns potes deste maravilhoso unguento. 
Para se ter uma noção da situação da saúde na época, no mesmo jornal há um relatório com as pessoas sepultadas nos cemitérios públicos. As causas dos óbitos, enterite, diarréia, febre amarela, tifo, tétano dos recém nascidos, etc, etc. Idade média dos sepultados, 20 anos.
Além do valor sociológico, o estilo e argumentos utilizados são de se apreciar. Jóia rara também é a parte final,  Paragraphos Holloway.  
Boa leitura


Extraído dos arquivos da Biblioteca Nacional,  do Diário do Rio de Janeiro, o qual tinha como principal redator,  Joaquim Saldanha Marinho. Edição de 14/05/1861. 





Postar um comentário