quinta-feira, 10 de maio de 2012

NOTA DOS DOCENTES DA UNIPAMPA/JAGUARÃO À COMUNIDADE


No dia 09 de maio, professores da Unipampa, campus Jaguarão, reuniram-se em assembleia para discutir o panorama nacional que envolve o ensino superior e a situação conjuntural dos servidores públicos federais. Desde 2011, o Sindicato Nacional dos Docentes das Instituiçoes do Ensino Superior (ANDES-SN) vem discutindo junto ao governo federal a construção de um novo plano de carreira. Esse diálogo revelou-se infrutífero, uma vez que os acordos estabelecidos em 2011 (incorporação das diferentes gratificações ao vencimento básico e reajuste salarial de 4%), previstos para março de 2012, não foram cumpridos pelo Governo Federal.

Diante do quadro de intransigência do Governo Federal nas negociações, os professores da UNIPAMPA/campus Jaguarão, reunidos em assembleia, optaram por aderir ao movimento nacional de reivindicações dos servidores públicos, realizando uma paralisação de atividades, no dia 10 de maio. Os docentes encontram-se em indicativo de greve, a ser deflagrada em âmbito nacional em 17 de maio, na dependência do resultado das negociações entre Governo Federal e sindicato que se encerram no dia 15 de maio, em Brasília.

Docentes reunidos em assembleia, no dia 10 de maio de 2012.

 

Um comentário:

J P disse...

Brasília, 14/5/2012 – O governo federal editou hoje a Medida Provisória 568, de 11 de maio de 2012, para assegurar o pagamento de acordos finalizados com os servidores federais no ano passado.

As medidas constantes da MP beneficiarão 937.675 servidores entre ativos, aposentados e pensionistas. A Medida Provisória 568 vai substituir o Projeto de Lei 2.203/2011, que foi enviado ao Congresso em agosto do ano passado e trata da reestruturação de cargos; planos de cargos e carreiras; além de tabelas remuneratórias.

O valor do conjunto de medidas é de cerca de R$ 1,5 bilhão para 2012 e já estava previsto na Lei Orçamentária Anual de 2012, aprovada pelo Congresso e sancionada pela Presidência da República.

Entre os beneficiários do reajuste, estão docentes das Universidades Federais, servidores que integram o Plano Geral de Cargos do Poder Executivo, o Plano de Cargos da Previdência Social, Saúde e Trabalho, entre outras carreiras.

Com a MP, os servidores que tinham aumento previsto para o mês de março, como no caso os docentes, terão reajuste retroativo àquele mês.

http://www.planejamento.gov.br/noticia.asp?p=not&cod=8389&cat=26&sec=11

Jaguarão e Lago Merín - Refúgios de Belchior na Fronteira Sul

  Programa Café da Manhã do DCM recordou a passagem  de Belchior por Jaguarão e Lagoa Mirim- Aqui sendo recebido na Casa de Cultura Montevi...