sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

3ª Feira Binacional do Livro de Jaguarão - Memória e ficção na fronteira



O painel Memória e ficção na fronteira reuniu os escritores João Félix Soares Neto, Pedro Gonzaga e Aldyr Schlee que, com a mediação do jornalista Luiz Carlos Vaz, conversaram com o público presente no salão nobre da Secretaria da Cultura de Jaguarão sobre os limites da realidade e da ficção na fronteira geográfica e da criação literária. Após o painel aconteceu, no ambiente da Feira, a sessão de autógrafos de Na palma da mão - uns contos do sul e O cigarro ensanguentado, de João Félix, e A última temporada, de Pedro Gonzaga que, segundo o escritor e crítico literário português - premio José Saramago 2008 - Paulo José Miranda, presente na plateia, é um verdadeiro "poeta da cidade".
                                                   
        Luiz Carlos Vaz
Escritor João Félix leu alguns trechos de O cigarro ensanguentado  

Poeta Pedro Gonzaga, Escritor João Félix e editor da Ardotempo,  A. Aquino,
na sessão de autógrafos da Feira
Parada nas figueiras do mercado rumo a Uma Terra Só 
Postar um comentário